Sim N�o

Na praia

27 de dezembro de 2010

Já estou em Barra do Sahy.

Lembra que eu disse que a Camila chegaria no próprio dia 25. Ela chegou. Um pouco atrasada. Sabe como são os aeroportos nesta época.

Fato é que já matamos as saudades no próprio dia 25. Não tanto, afinal ela estava cansada, e tínhamos que acordar cedo para não pegar trânsito.

E deu certo a tática. Demoramos apenas um pouco a mais do que geralmente leva. O trânsito estava intenso, mas não parado.

Chegamos, deixamos as coisas no carro mesmo, pois ainda não tinha dado a hora do check in, e fomos para a praia.

Ficamos lá até a hora de dar entrada no quarto e voltamos para a pousada.

Arrumamos nossas coisas no quarto e fomos almoçar.

Antes, quando estava abrindo a porta para sair, a Camila barrou a porta com as mãos, tirou a chave e disse:
“Depois da surpresa que você fez me mandando aquelas passagens perfumadas, você merece uma recompensa”.

Só vi que ela tirou do bolso uma Prudence Cores e Sabores de tutti frutti, ou de morango, sei lá, só vi que era vermelha, e me fez ver estrelas.

Nada podia ser melhor.

Depois, o restante do dia foi bem romântico e gostoso. À noite, retribui a supresa e tivemos uma noite intensa.

Mas os detalhes ficam na imaginação de vocês.

Bom, vou indo que a praia me espera.